MEUS AMIGOS, MEUS AMIGOS

(A chegar ao fim do ano lembrei-me de escrever este poema)   Meus Amigos, meus Amigos Nestas horas de mudança, (de aparência de mudança) Só não quero que me faltem Os Amigos e a Esperança. Com eles poder contar Amigos  velhos e jovens Mas Amigos que me lembrem Dos dislates que fizemos Das bondades que … Continuar a ler MEUS AMIGOS, MEUS AMIGOS

Para o ano, será melhor…!

Não foi por acaso que coloquei este título...! Ele faz-me sorrir um pouco, embora com um certo franzir de testa...! E todos os anos, desde que me conheço, ouço esta afirmação, talvez o desejo incontido, saído de uma montanha de pensamentos que normalmente nos assolam o espírito. Talvez, para nos sossegar um pouco a alma, … Continuar a ler Para o ano, será melhor…!

PARTIDOS POLÍTICOS E DEPUTADOS

As linhas que a seguir apresento, foram escritas como modesto amante e defensor da Democracia, indignado com os maus comportamentos de alguns Srs. Deputados, expostos pela comunicação social, que permitem aos cépticos da acção dos políticos e aos inimigos da Democracia dizer “que são todos os mesmos”, “que não vale a apena votar”, que “precisamos … Continuar a ler PARTIDOS POLÍTICOS E DEPUTADOS

Luar do Sertão

É normal, de ano para ano, acumularmos no sotão ou na garagem da casa, uma infinidade de artigos, que pensamos, poderem vir a ter ainda alguma utilidade. A eles, os artigos festivos de Natal, que procuramos conservar da melhor maneira, a exemplo de outros anos...! Talvez, a razão de sentirmos uma certa nostalgia a prenderem-nos … Continuar a ler Luar do Sertão

AS AGRURAS DA GULBENKIAN

  Está fora de questão o papel extraordinário que a Fundação Calouste Gulbenkian tem desempenhado, desde a sua fundação em Portugal, no mundo das artes no nosso país. As exposições, temporárias ou permanentes, nas áreas da pintura, escultura; os valiosíssimos apoios que tem proporcionado a estudantes, investigadores e à cultura de uma forma geral; as … Continuar a ler AS AGRURAS DA GULBENKIAN

Histórias de Natal

O Natal aproxima-se, os corações avolumam-se de bondade, os espíritos abrem-se, e a felicidade ilumina os rostos de toda a gente que acredita que o mundo não é assim tão mau, como se ouve dizer durante todo o ano...! Nesta época maravilhosa, em que nem a chuva e o vento frio nos enregela os rostos, … Continuar a ler Histórias de Natal