NOTRE DRAME

  O título em francês é, como logo se compreende, uma alegoria enlutada e triste ao terrível incêndio da Notre Dame. Já muito se falou, escreveu e chorou em torno desta inominável desgraça.  É um drama que todos nós sentimos na pele, como se fosse nosso. E, na realidade,  é.  É nosso e de toda … Continuar a ler NOTRE DRAME

O BURACO

  Einstein, realmente,  tinha razão. As fantásticas e quase indecifráveis fórmulas matemáticas que ele usou (diz-se, com a ajuda, entre outros,  do reputado matemático português  Mira Fernandes) levaram a humanidade à Relatividade e à convicção da existência de um famoso "buraco negro" que poderia, talvez, sabe-se lá, engolir e eliminar tudo o que dele se … Continuar a ler O BURACO

Ave eterna

Deixo o chão num voo colorido pelas cores que sinto a cada olhar que não encontro. Eu sei, chove. Nada mudou nesta geometria de tempos por reinventar. De tempos de movimentos hilariantes de chamas numa colmeia de ar que encadeia e arde neste lugar de guitarras ancoradas. Viajo num sorriso que habita em mim como … Continuar a ler Ave eterna