FRONTEIRA E MEMÓRIA

Lembrar-se-ão, os que nos acompanham, da nossa última conversa/entrevista, com data de 25 de Abril, em que tivemos o gosto de falar com o nosso amigo engº silvicultor, João Bugalho, cujas importantes e atuais variantes de vida têm a ver com tudo o que são artes: pintura, música, poesia, prosa, em resumo, divulgação cultural. Filho … Continuar a ler FRONTEIRA E MEMÓRIA

MÚSICA NO MARVÃO

  Muita gente já conhece o Festival Internacional de Música de Marvão que este ano teria a sua 6ª edição, no próximo mês de Julho. O nosso convidado com quem conversámos este mês de Abril, João Bugalho, profundamente envolvido no acompanhamento desse festival, falou-nos dele nessa entrevista (que podem ver neste blogue) com imensa paixão … Continuar a ler MÚSICA NO MARVÃO

DIA MUNDIAL DO LIVRO

Hoje, 23 de Abril,  é o Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor. Poderíamos passar por ele, como todos já fizemos muitas vezes, e não tecer, sequer, um breve comentário. Embrenhados como todos andamos, nestes tempos de isolamento, em pensamentos e pormenores,   não encontramos, normalmente, tempo para lhe dedicar um pouco de … Continuar a ler DIA MUNDIAL DO LIVRO

A NOSSA 4ª CONVERSA /ENTREVISTA – CIRILA BOSSUET

  http://www.youtube.com/watch?v=rYlN5sEBbRA   Cá estamos de novo, no mês de Março, como nos comprometemos, depois de em Fevereiro termos abordado, com o nosso anterior convidado, a vida do Desporto e o Desporto na Vida, em todas as suas dimensões. Dá-se a feliz coincidência de podermos publicar este texto no "Dia Mundial do Teatro" o que … Continuar a ler A NOSSA 4ª CONVERSA /ENTREVISTA – CIRILA BOSSUET

Vem Primavera

Não há ventos adversos que impeçam o som doce do teu sussurrar, nem cheiro ardente que impeça o teu sorriso de me encontrar. Nada impede o querer, nem vontades impossíveis que emudecem raios de sol, nem lábios desfeitos em murmúrios do mar. Vem Primavera pintar de cor, Amor e Luz as sombras que respiram no … Continuar a ler Vem Primavera

Melua para a quarentena

  Agora que estamos, quase todos, num aparente recolhimento cisteriano é uma excelente oportunidade para reler coisas de que já não nos lembramos, ouvir músicas que quase esquecemos e aproveitar as maravilhas atuais do "FaceTime" para nos irmos vendo e falando à distância sem o perigo de abraços e beijinhos. Nas minhas peregrinações de quarentena … Continuar a ler Melua para a quarentena