O ALGARVE EM MOÇAMBIQUE

Os idos das nossas guerras coloniais trazem-nos sempre à memória, em grande parte, os malefícios de mais de uma década de anos trágicos, desnecessários e com consequências, já algumas vezes aqui abordadas, que se prolongaram nos tempos, ainda com testemunhas vivas desses inúteis e inesquecíveis pesadelos. A juventude de hoje percorre, talvez felizmente, em diagonal, … Continuar a ler O ALGARVE EM MOÇAMBIQUE

Continua a Faltar uma Grande Razão

"Como dizia Cezariny"E tão bem realçou Nicolau SantosNo seu poema com o mesmo nome,Continua a "faltar uma grande razão".Para o bem e para o mal O mundo foi acordado para tudo o que é real, Por esta pandemia, por esta devastação. Mas os turbilhões de notícias Continuam a provar que a sensatez Continua sem sentido, … Continuar a ler Continua a Faltar uma Grande Razão

CHUVA DE CHOCOLATE

Fui obrigado a mudar o tema que tinha eleito para o meu texto de hoje. Por razões que facilmente compreenderão. Ia escrever sobre as barafundas, os desvarios, o lamaçal e os graves riscos que têm assolado a monarquia espanhola nos últimos tempos. Mas desisti de imediato ao ler, no Diário de Notícias de hoje, um … Continuar a ler CHUVA DE CHOCOLATE

PASSEIO DE CÃO

A Ministra da Agricultura alemã, Julia Klockner, desencantou uma virtuosa lei estival que deixou os seus compatriotas assombrados, incluindo muitos dos seus colegas de partido, a CDU. A lei, baseada naquilo que ela apelidou de "Dogs Act", só entrará em vigor em Janeiro de 2021 se, até lá, nada acontecer de especial. Entre nós aconteceria … Continuar a ler PASSEIO DE CÃO

TRUQUES DA DEMOCRACIA

Não é a primeira vez que, neste blogue, se aborda o tema da democracia, das suas virtudes, dos seus contratempos, das suas vitórias e dos seus ressurgimentos após múltiplas tentativas para a destruirem. Mas isto da democracia é sempre uma maçada para quem não a aprecia. É que por trás dela estão sempre as pessoas … Continuar a ler TRUQUES DA DEMOCRACIA

Câmara Corporativa e Corporações

Para quem não é desse tempo valerá a pena recordar a existência, na época do Estado Novo, de um órgão consultivo da República Portuguesa chamado  Câmara Corporativa. Foi criada em finais de 1934  e durou, após 11 legislaturas, até ao 25 de Abril de 1974. O conceito e o órgão foram criados e inventados, como … Continuar a ler Câmara Corporativa e Corporações