O Professor Doutor António Costa Silva, além de professor no Instituto Superior Técnico, é Presidente da Comissão Executiva do Grupo Partex Oil And Gas, envolvido em projetos de exploração e produção  de petróleo e gás em Abu Dhabi, Oman, Kasaquistão, Brasil, Argélia, Angola e Portugal.  Foram diversos os cargos que ocupou, nesta sua área de saber, em alguns países por todo o mundo.

Nasceu em Angola em 1952 e é também poeta e escritor. Publicou dois livros de ficção: “Manuel Muhongo, a Queda do Pescador” e “Desconseguiram Angola”. Em parceria com o jornalista-economista e também escritor Nicolau Santos (também com antecedentes angolanos) escreveu,  em 2014,  “Fotografias Lentas  do Diabo na Cama”.

Este versátil intelectual escreveu no jornal “O Público” de 17 de Outubro um artigo extraordinário a que deu o título de “O Irracionalismo Catastrofista”.  Para além do convite que vos possa fazer para lerem esse artigo, confesso que a sua leitura me influenciou e levou a escrever, imagine-se, um pequeno poema.  Ele aqui fica, sem a eficácia do texto do Professor Costa Silva, mas com o deslumbramento que o seu conteúdo me provocou.

CATASTROFISMO

A raça humana é apocalíptica
Gosta que se lhe diga que o mundo vai acabar.
Mas nada acontece.
É bom parar e pensar.
São muitos os exemplos,  já nos nossos tempos.
No século XX os totalitarismos
Foram derrotados
E a democracia liberal venceu.
A catástrofe nuclear pós 2ª Guerra Mundial
Não aconteceu.
O colapso na transição do milénio
Também não se deu.
E com o terrorismo o ocidente ainda não se perdeu.
As narrativas simplistas são perigosas
Porque não permitem estudar as razões
Perceber os factos e as equações.
A realidade global é bem diferente.
Os avanços tecnológicos têm posto o mundo à frente
No seu bem estar, na sua justiça, no seu crescimento.
O que falta é melhor distribuir
Entre os que ficam e os que vão fugir.
As democracias liberais têm que se reinventar
Para, sem piedade, eliminar
Os que trazem narrativas de terror, de imposição, de falso poder.
É preciso criar, inventar,
E estudar, e criar, e estudar, e criar.
O futuro é isso, não é o apocalipse.
O mundo pode não acabar.
 

 

 

CATASTROFISMO

2 pensamentos sobre “CATASTROFISMO

  1. Pois é verdade…!
    Parece que o mundo tem que ser reinventado…!
    Talvez, porque de há muito andamos cansados.
    Mas, esperar por uma nova liberdade…?
    Talvez seja melhor esperarmos sentados,..!
    Mas o Zé Povinho…! Esse, coitado…!
    Não para de sonhar acordado !
    Mas a vida é assim !
    Até há quem diga, que a vida são apenas dois dias.
    Para muitos, um dia não, para outros, um dia sim…!
    Mas, Marques da Silva, tudo não passa de cantigas…!

    ( Desculpe-me, mas não sou nada catastrofista. )

    Gostar

Deixe um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s