OLÁ AMIGOS!

Como estão, Amigos meus? Que tal vai a solidão? Solidão com solidez Com tempo para pensar, Para ver, para sonhar E quem sabe, talvez, P'ra refazer nós que se desataram E retomar os amigos, dos tais "Que será feito?" Por onde andaram, o que fizeram, O que pensaram, o que sofreram. Mas cá estão eles … Continuar a ler OLÁ AMIGOS!

DIA MUNDIAL DA LÍNGUA PORTUGUESA

Seria quase crime de "lesa patria" não fazer hoje um modesto apontamento sobre o Dia Mundial da Língua Portuguesa. Toda a gente importante já escreveu sobre este tema e, portanto, não vou acrescentar nada de novo. Mas cumpro uma missão pessoal quando me lembrei do Fernando Pessoa ao dizer "A minha Pátria é a Língua … Continuar a ler DIA MUNDIAL DA LÍNGUA PORTUGUESA

Pegadas na areia molhada…!

Hoje, deu-me para isto…!Cheiro a mar ! Momentos, que o tempo apaga e nos esquece.Só por vezes, vêm à memória…!Passeios longos, de mão dada, como sempre fora dantes,Entre sorrisos e promessas.Pegadas na areia, recordando outras, já apagadas,Entre rochas, de espuma branca, salpicadas…!Porque insisto marcar caminho, em areal que não me pertence ?Onde só o mar … Continuar a ler Pegadas na areia molhada…!

Aqui…

Sem explicações nem teoriasaquias pedras falam,sim.Aquiem pedaços de mimdesnudo todo o meu sentiratravés dos sentidosEm palavras supérfluasem palavras mudasguardadas e gritadas.Aquisei o que encontrocomo rios que sabem onde encontrar o mar.Aquià luz dum claro olharpedra que um beijo aquecearoma e sabormagia e cor.Aquino visível do que não se vêhá um momentoaberto ao tempoem que passado … Continuar a ler Aqui…

Em mim…

O Sol cruza-se em mim. Sinto um afago suave envolto num oceano de emoções. Caminho que trilho na percepção da chegada. A luz ilumina os meus lábios e abro um sorriso sentido. Lentamente, na minha mão fechada um horizonte sonhado é pele em palavras tatuadas. Tempo acordado. A alma pede calma e o coração segue … Continuar a ler Em mim…

Dia Mundial da Língua Materna

Foi ontem,  dia 21 de Fevereiro,  o Dia Mundial da Língua Materna. Pensei ou desejei escrever sobre esse dia. Mas não escrevi. Amadureci. O tema, o poema ou a forma. E apesar de, em todo o mundo, os mais ilustres escreverem sobre as suas línguas maternas, não desisti e pus-me a recordar como e se … Continuar a ler Dia Mundial da Língua Materna