PARA ALGARVIOS E NÃO ALGARVIOS

  Li no Jornal do Algarve um texto assinado por Carlos Albino, cronista pontual deste periódico, no qual ele recorda um texto de Miguel Torga, que eu não conhecia e que achei extremamente curioso. O texto agradará mais ou menos aos algarvios ou aos não algarvios mas, transportado pelas afinidades que tenho com a região, … Continuar a ler PARA ALGARVIOS E NÃO ALGARVIOS

BIVALVES, MÚSICA E DESTROÇOS

  Isto dos bivalves aprende-se nas Ciências Naturais, na adolescência, e usufrui-se, para quem gosta, ao longo da vida. Continuamos a lembrar-nos deles muito mais pelos sabores e  temperos do que pelas suas classificações biológicas. De entre todos os bivalves de que poderia falar, limito-me hoje a referir, como natural apreciador,  a conquilha algarvia. No … Continuar a ler BIVALVES, MÚSICA E DESTROÇOS

O “Far-West” Algarvio

Título curioso no último número do Jornal do Algarve (29/06/17):  " Algarve é a região com mais baixo índice de desenvolvimento ". A frase não pode ser inócua na medida em que foi proferida pelo presidente de uma associação algarvia de seu nome União pelo Futuro do Algarve, durante as comemorações do 2° aniversário da … Continuar a ler O “Far-West” Algarvio

Jornal do Algarve

Não sou algarvio de nascença mas sou algarvio por afetos. Nascido e criado em Lisboa fui pela primeira vez ao Algarve em 1957. Fui em demanda do sotavento algarvio, o lado para onde sopra o vento dominante naquelas paragens, mais concretamente a Monte Gordo,  onde se encontrava o "objeto" das minhas peregrinações. Essas minhas incursões … Continuar a ler Jornal do Algarve