Pegadas na areia molhada…!

Hoje, deu-me para isto…!

Cheiro a mar ! Momentos, que o tempo apaga e nos esquece.
Só por vezes, vêm à memória…!
Passeios longos, de mão dada, como sempre fora dantes,
Entre sorrisos e promessas.
Pegadas na areia, recordando outras, já apagadas,
Entre rochas, de espuma branca, salpicadas…!
Porque insisto marcar caminho, em areal que não me pertence ?
Onde só o mar manda e só ele vence ?
Apagando tudo, sem avisar ?
Marcas de passeios, sem pressas de terminar !
Salpicos de sal, que respiro suavemente…!
Pegadas na areia molhada,
Que o Sol, depressa aquece,
E aviva tempos passados,
Coisas simples, histórias sem glória.
Marcos de passagem, que não esquecem…!

Rui Frias Março 2020

Deixe um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s